HORAS....

Pegadas na areia são horas passadas
Sonhos presos com laços de seda
Partem sem rumo por longas estradas
Perdem-se no tempo com tanta firmeza

Liberdade na mente é hora presente
Sonho voando nas asas do vento
Vibrando de amor e luz transparente
Acredita na vida, no amor e no tempo

Caminho sem fim é hora futura
Sonho velado esperando encantado
Sorriso escondido envolto em candura
Acredita nas horas... esperando cansado

16 comentários:

mfc disse...

As marcas na areia são passado e acompanham-nos, mas o relógio sem horas pode sobrepor-se a tudo.

EVELIZE SALGADO disse...

Sonhos que o tempo leva e traz
como o pêndulo
do relógio da vida.

E nós atravessamos até que sobrem as pegadas...

Vivamos tudo!!!!

Sempre belos poemas!!!!!!!!!
Beijos, querida.

Ana Martins disse...

Muito lindo Canduxa... Parabéns!

Beijinhos,
Ana Martins

KOTTA disse...

A sua poesia agradou-me imenso. Se quiservisitar o meu blog é um prazer. Bjo

Mateus Luciano disse...

luzes ,camera ,ação
o mar se envolveu em seu coração.

bemviver disse...

Querida amiga, belos poemas, horas muito bem passadas, e as pessoas vivem em função de um relógio, parecendo que tudo depende dele, quando somos nós que determinamos se queremos ficar presos nas horas.
Receba meu carinho BJS.

CarlaSofia disse...

O tempo... é sempre relativo. Foge, corre, salta, pára, estagna, existe e ausenta-se... prolonga-se, abrevia-se, atrasa-se e adianta-se.
Enfim, o tempo é o que nós queremos fazer com ele, não é verdade?
um beijinho
*universosquestionáveis*

Eliane Santoro da Costa disse...

Muito lindo poema Canduxa querida,sobre passado,presente e futuro!

Um abraço carinhoso!

AFRICA EM POESIA disse...

CANDUXA
O mar é amor ...Morte e vida.
Dá e tira mas está sempre.


Eu acho que o mar tem momentos mágicos...

Para ti minha querida um beijo

RETIRO do ÉDEN disse...

Querida Canduxa,

Agradecemos o teu carinho e comentário no retirito.

O Tempo esse Amigo ou Inimigo... tudo depende...o que vale é pensarmos que nada é permanente...

Bjs.
Mer

Anónimo disse...

Querida Canduxinha
"O sonho comanda a vida" - até mesmo quando está cansado.
Que no relógio sem horas ele nunca deixe de estar presente na tua vida, minha querida.
Poema belíssimo.
Mil beijinhos da tua
Tita

Maria Emília disse...

Forma bem interessante de contar as horas. Agora entendo porque é que eu não me canso. É que nem tenho relógio nem conto as horas. Vivo o instante o momento.
Um beijinho,
Maria Emília

AFRICA EM POESIA disse...

canduxa

são as minhas raízes ..
AS SAUDADES NÃO MORREM
vou amar...SEMPRE.

Um beijo

RETIRO do ÉDEN disse...

Amiga Canduxa,

Venho desejar um excelente fds. com Cristo Jesus e Sua Mãe Maria.

Bjs.com carinho,
Mer

Eliane Santoro da Costa disse...

Oi Canduxa,tem um selinho pra você.

Bom fim de semana,com carinho.

Céci disse...

Olá Canduxa,

Li o teu comentário ao meu sonho e fiquei muito feliz pela tu a interpretação,obrigada amiga!

Adorei o teu poema está lindo!

Bjinhos

Céci